2 de mar de 2011

Meus Desejos...

Todos nós temos na vida desejos em diversos aspectos que nos cercam...
Desejo de sucesso na vida profissional, e com um bom retorno financeiro, ser empreendedora...
Desejo de sucesso na vida amorosa, com um gato charmoso, gostoso, cavalheiro e que nos ama D+...
Desejo de sucesso na vida familiar, sendo uma filha generosa e prestativa, uma mãe dedicada e amorosa...
Desejo de ter uma saúde perfeita, sem contratempos, sem doença, nem virose!...
Desejo de ter a espiritualidade em dia, com Deus, com a natureza, com a energia positiva do ambiente...
Desejo de ter sucesso intelectual, mantendo-se antenada com o mundo, concretizando cursos, superando barreiras...

Bem, Desejo, como já disse, todos nós temos.

Agora... por que as vezes é tão complicado e as vezes frustrante o caminho a percorrer para alcançá-los, não é mesmo... será que desistimos muito fácil, ou será que não somos suficientemente otimistas para encararmos os percalços como degraus para o efetivo sucesso (tão almejado!).

Estou um pouquinho pensativa nestas questões hoje porque, olhando para trás, e vendo tudo que já passei na vida... constato que realmente não soube aproveitar minha juventude em prol de realizar os meus Desejos.

Não que minha vida não seja boa...ela é, mas sinto que se tivesse me esforçado um pouco mais, se tivesse tido um pouco mais de garra, me impusesse mais em certas ocasiões e menos em outras... quem sabe.

Mas nunca é tarde não é mesmo. E por isso mesmo, neste momento da minha vida, acho que posso melhorá-la, e muito.

Só quando passamos por dificuldades, um verdadeiro tsunami de reviravoltas é que paramos, analisamos toda a tragetória, e constatamos o grau que está nossa vida.

Agora vou caminhando, dia a pós dia, agradecendo a Deus cada dia da minha vida, da minha família, dos meus queridos amigos, do meu trabalho, da possibilidade de conhecer novas pessoas e ter novas possibilidades e principalmente de ter Fé.

Não costumo orar o pai nosso e a ave maria todo dia... mas tenho uma rezinha que minha mãe me ensinou desde muito pequena, e hoje faço todo dia antes de dormir e ao acordar:

Com Deus me deito, com Deus me levanto, com a graça do Amor e do Divino Espírito Santo.Amém.

Me sinto abençoada toda manhã e pronta para os desafios do dia.

Mudando de assunto:

Que virada de tempo, hein! Amo esse friozinho... apesar que podia parar de chover um pouco... (nunca satisfeita mesmo!!!) rssss.

Estou um pouco ansiosa para pesar no sábado... tomara que eu tenha conseguido eliminar uma gramas esta semana.

Aiiiii estou tão feliz... graças a Deus, meu dedão do pé esquerdo (aquele... que está temporariamente desligado...rsss) que estava infeccionado desde o Natal (ai!!!), está começando a melhorar e principalmente à cicatrizar!!! Eba! Eba!

obs: coloco muito pontos de ! pois meus pensamentos vivem gritando, viu!!!!

E isto quer dizer que, loguinho, loguinho, vou poder começar a fazer hidro e natação... não vejo a hora.

Como ainda não consigo andar muito, e o pouco que ando é com minha bengalinha... está (por enquanto) fora de cogitação a caminhada, a academia... já na água a história será outra... vai ser bom D+ da conta, sô.

Feliz! Feliz!

Beijusssss

PS: Ai, meninas... agradeço de coração todo carinho e apoio que estão me dando com os comentários... Obrigada. E vamos todas juntas mandar para a PQP tudo que ñ presta e nos incomoda!

2 comentários:

Andrea Aoki disse...

Oi Van!

Muito bonito o q vc escreveu, é bem isso mesmo, eu ando um pouco desesperada com esses assuntos, mas temos q pensar que nunca é tarde para recomeçar, aprender, estamos nessa vida pra isso!

Eu tb gosto muito desse tempo, me sinto até mais tranquila, só a chuva mesmo q atrapalha um pouco rsrs!

E q coisa essa do seu dedão, puxa, eu não posso fazer caminhadas por causa do meu joelho, dia 11 tenho médico, vamos ver como vai ser!

Se cuida viu? E podemos marcar qq dia sim, em algum shopping :)

Beijocas!

Edite disse...

Oi Vanessa, vi seu comentário lá no blog da Bete e fiquei curiosa em saber de vc. Como vc disse que está andando com dificuldade e tem pinos na coluna etc e tal, associei sua estória à minha que tb passo as mesmas dificuldades. Por um bom tempo, nada de caminhada tb. E muito menos sair da cadeira de rodas. É mole? Mas eu vim até aq e me inspirei na tua energia. Nada de desanimar.. É tocar a vida com otimismo e confiar no futuro. Abraços. E se lhe for interessante passe lá minha página. Venha fazer uma visita. Eu adorarei te receber...